Voltar para blog 22 mai 2019
Como melhorar a experiencia do cliente comprador.
Não é novidade que a forma como o consultor imobiliário atende o cliente determina o sucesso da transação. Também não é notícia para ninguém que, na hora de escolher um profissional, a experiência, simpatia e disponibilidade do agente são os fatores de seleção mais considerados.

Hoje, partilhamos algumas dicas para que possa afinar a experiência dos seus clientes. 

1 - Invista tempo para perceber o que o cliente procura

Os bons agentes imobiliários são aqueles que sabem tudo sobre o mercado e identificam facilmente as melhores oportunidades de negócio. Porém, os excelentes consultores conhecem também tudo sobre o cliente.

As pessoas procuram casa por inúmeras razões. Perceber quais os motivos da mudança e o que o cliente espera encontrar na nova habitação é a garantia de proporcionar um serviço muito bom. Não chega perguntar qual a tipologia preferencial e a zona pretendida. Uma qualificação mais detalhada permite identificar necessidades específicas para que possa mostrar, posteriormente, opções adequadas. 

Ao investir mais tempo na qualificação inicial poupa muitas horas na apresentação de imóveis que não interessam minimamente ao cliente. 

2- Conheça o perfil do cliente

O cliché "cada cliente é único" é um chavão porque, na verdade, todos somos diferentes. Há clientes que adoram conversar, os que apenas querem receber e-mails e os que só têm tempo para atender uma chamada após as 20:00h. 

Adaptar-se ao estilo de cada cliente é trabalhoso e exige empenho, mas é esta personalização que cria relações duradouras com os clientes e abre terreno para futuras referências a amigos e familiares. 

3 - Apresente apenas propriedades que interessam

Referimos novamente este ponto porque é, sem dúvida, fundamental. 

Muitas vezes somos tentados a pensar como nós mesmos e não como o cliente. Não perca tempo e credibilidade ao apresentar imóveis que não interessam. Cumpra a 100% os pontos 1 e 2, e sabia exatamente o que, como e quando mostrar propriedades que irão captar a atenção do comprador. 

Se não tem nada para mostrar, não o faça. Mas também não perca a oportunidade de gerar negócio. Qualifique o comprador no SAM-MLS e saiba onde estão os imóveis que o cliente necessita. 

4 - Use a tecnologia

Parece um aspeto banal, discutido e analisado em todo o lado, mas é imperativo usar a tecnologia para otimizar todos os aspetos do seu trabalho. Para conhecer as preferências do cliente, porque não mostrar ou enviar fotos de detalhes de alguns imóveis? Peça feedback para despistar, rapidamente, algumas propriedades que tem em carteira. 

Esta é uma simples maneira de aproximar a relação com o cliente e de evitar visitas desnecessárias. Use todas as ferramentas disponíveis, nomeadamente as visitas virtuais. 

5 - Não deixe nada por perguntar

Converse, explique, apresente, tire dúvidas e não se dê ao luxo de perder uma oportunidade por coisas que não foram ditas ou mal explicadas. Quando mais souber, melhor servirá o cliente. 

O mercado imobiliário é muito competitivo. Não basta fazer o mesmo que os colegas. O que garante a longevidade numa profissão tão exigente como esta é a prestação de um ótimo serviço ao cliente. Lembre-se que um cliente satisfeito partilha a experiência positiva aos amigos e familiares.

 

Partilhar este post nas redes sociais