Voltar para blog 17 jul 2017
A tecnologia ao serviço da mediação imobiliária

Hoje, vivemos numa época na qual "não usar tecnologia" significa "estar fora do mundo".

A tecnologia deixou de ser um simples diferencial no trabalho, e transformou-se numa obrigatoriedade. É claro que ainda existem profissões nas quais o uso de tecnologia não é necessário, mas a mediação imobiliária já não vive sem ela. É impensável para o agente imobiliário exercer a sua atividade sem telemóvel, sem um computador, ou sem internet.

 

O telemóvel e o computador são apenas equipamentos dos quais podemos retirar mais partido ao usar as ferramentas adequadas. 
Mas que ferramentas tecnológicas podem os consultores imobiliários usar para otimizar o trabalho e conseguir novos clientes? 
A gestão, a captação de clientes e a divulgação de imóveis, pode ser feita de forma mais eficaz se investir em plataformas desenhadas para o imobiliário.
 
Estas ferramentas podem ajudar a aumentar a produtividade e a "criar" tempo que pode dedicar aos seus clientes. 
De seguida, listamos algumas plataformas/ferramentas que ampliarão a sua capacidade de resposta e a promoção do seu negócio

 

 

1 - As vantagens em investir num CRM imobiliário

 

Um CRM (Customer Relationship Management) permite-lhe guardar toda a informação relativa aos seus clientes e manter um registo atualizado do seu negócio. E mais importante que isso: permite-lhe automatizar ações de divulgação dos seus imóveis, e manter uma comunicação constante com os seus clientes.

 

2 - Como um serviço de MLS o ajuda a obter melhores resultados

 

Se já tem uma ferramenta de gestão de clientes (CRM), fazer parte de um MLS pode ajudá-lo na divulgação dos seus imóveis. Ao partilhar os seus imóveis através de uma plataforma como o SAM-MLS, todos os agentes que usam o serviço podem ajudá-lo a transacionar a propriedade. Além disso, tem também acesso a uma carteira de imóveis exclusivos disponíveis para partilha.

 

3 - A realidade virtual na mediação imobiliária

 

A realidade virtual é a mais recente tecnologia adaptada ao setor imobiliário em fase de grande expansão. E que uso pode fazer desta tecnologia? Pode usá-la, por exemplo, para mostrar uma seleção de imóveis, ao seu cliente, sem ter que os visitar a todos. Através de fotografias nem sempre e fácil transmitir a qualidade e características de um imóvel. 
Ao fazer uma visita virtual, o cliente fica com uma ideia mais aproximada do que é a propriedade e decide, mais rapidamente, se esta lhe interessa ou não. 
O que ganha o consultor imobiliário? Tempo. Desloca-se menos vezes para visitar imóveis que não vão ao encontro às expectativas e necessidades do cliente. Deixará de ouvir a velha frase "não se parece nada com as fotografias".
Mas esta pode ferramenta ainda pode ser usada para permitir aos clientes customizar um determinado espaço, quer em características, quer em acessórios.

 

4 - O uso dos chatbots no ramo imobiliário

 

Os chatbots são programas desenhados para simular uma conversa, que aplicam inteligência artificial ao serviço das mediadoras imobiliárias. 
E o que podem fazer os chatbots pelo seu negócio? Ao usá-los no seu website, por exemplo, ou na sua página de facebook, passa a estar disponível para os seus clientes 24/7. 
Um cliente pode visitar a sua página de facebook, abrir o Messenger e escrever "apartamentos T2 em Lisboa". O chatbot faz uma pesquisa na sua base de imóveis e apresenta os melhores resultados. Tudo, sem a sua intervenção. 
Com os assistentes virtuais associados a um CRM pode consultar, através de uma mensagem ou comando vocal "quantos leads entraram ontem" ou realizar ações como "enviar newsletter para clientes atuais", etc.

 

 

A inteligência artificial tem o potencial para facilitar o seu trabalho, tornar mais cómoda a experiência de pesquisa, e compra, para os seus e clientes.
Estas são apenas algumas soluções tecnológicas que um agente imobiliário pode usar para otimizar o seu tempo, gerir recursos e promover imóveis em carteira.

 

Partilhar este post nas redes sociais